A favela no limite

Uma maneira de preservar o meio ambiente?
Ou esconder a poluição e a degradação da cidade?

O Rio de janeiro tomou metas para preservar a imagem da cidade e o meio ambiente.
As favelas do Rio estão sendo cercadas com muros para evitar o crescimento das favelas nas áreas de matas.
No tempo em que o mundo está se desenvolvendo, todos os projetos feitos para preservar o meio ambiente são válidos.
Mas o que os moradores destas favelas estão considerando em relação a essa construção radical!A maioria 60% entendeu muito bem a idéia central da empreitada, o objetivo real do muro é separarem ricos e pobres, dividindo a sociedade por completo mostrando o alto índice de processo de favelização da cidade!
A minoria 40% aprova a construção, vêem como um ato de preservação ao meio ambiente!
Não é a primeira vez que o governo do Rio toma essa atitude de cercar as favelas com paredões. Em 2004, após uma guerra entre traficantes na Rocinha, o então vice-governador Luiz Paulo defendeu a construção de paredões de três metros de altura em quatro favelas. O objetivo era proteger o meio ambiente e evitar que bandidos fugissem pela mata durante as ações policiais.
Atitudes são sempre tomadas em relação a melhorias na imagem da cidade, tudo bem, mas a maioria das vezes a opinião publica não é considerada, uma falta de respeito para quem vota e contribuí para o futuro e evolução da cidade.
SHARE
    Blogger Comentarios
    Facebook Comentarios

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Tecnologia do Blogger.