Vilão ou mocinho

Quando a ilusão acaba e a realidade se mostra mais clara que a luz do dia. Quando os olhos se abrem e vêem que aquele mar de rosas se transformou em uma pista de obstáculos cada vez mais difíceis de serem ultrapassados. Quando as cortinas se fecham e você se dá conta de que o show terminou sem um único aplauso...

É nessa hora que a vida perde o sentido e você se sente um “João Ninguém”. Então você acorda e descobre que essa novela é a vida real e que ficar parado não vai tornar o fardo mais leve.

Ah! Lembra da pista de obstáculos? É a sua vida, os obstáculos são impostos por você, a maneira com que você os encara indica o grau de dificuldade dos mesmos. O problema é que nessa peça de teatro você age apenas como figurante assiste tudo passivamente. Não tem protagonizado sua história muito bem.

Do lado prático, você é aquele jovem que se opõe ao sistema, mas omite seus argumentos contra ele. Você é aquele agricultor que reclama a falta de chuva, mas não prepara o terreno para o plantio. Você é o universitário que exige que o poder público invista em educação, mas “mata aula”, para estar em barzinhos com os amigos.

Quem é você afinal? Um figurante mesquinho ou um ator social? A semelhança entre você e o ator da novela das oito, é que ambos vivem uma farsa, uma grande mentira. Essa não é nenhuma trama Hollywoodiana, é a vida real, a sua vida e como autor e protagonista dessa história onde só os fortes sobrevivem, cabe a você escolher que papel irá fazer... Vilão ou mocinho, quero dizer, vilão ou herói.

Saia da zona de conforto em que está e comece a encarar a realidade de frente, para que sua história tenha um final feliz é preciso escrever um final feliz e você tem em mãos o poder para reescrever sua história, para que não só o final seja feliz, mas que toda sua trajetória seja repleta de alegrias e conquistas!

Foto: http://migre.me/13mnF
SHARE
    Blogger Comentarios
    Facebook Comentarios

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Tecnologia do Blogger.