Memórias de minhas Putas Tristes

@Renata Zacaroni é formada em Comunicação Social com habilitação em Jornalismo pelo Centro Universitário de Belo Horizonte – UNI-BH. Já exerceu as funções de repórter, apresentadora, locutora e editora em emissoras de tv locais e de alcance nacional. Atualmente ocupa o cargo de coordenadora de jornalismo na Fundação Artístico Cultural de Betim – Funarbe, um dos parceiros da Ramacrisna. Renata também é admiradora do Projeto Antenados e indicou uma super obra da literatura nacional.
@Renata Zacaroni
Memórias de minhas Putas Tristes escrito e publicado no ano de 2004 pelo escritor de renome internacional, Gabriel Garcia Márquez, a obra extremamente realista retrata de forma divertida e única as aventuras sexuais de um solitário jornalista no auge dos seus 90 anos de idade. Inteiramente narrado em primeira pessoa, o livro aborda através de uma linguagem bem humorada e muito bem escrita uma grande reviravolta sentimental na vida do seu principal personagem (emocionalmente imaturo) em apenas – entretanto, justas – 96 páginas. 

Ele, que nunca havia se casado na vida e que sempre se relacionou com mulheres em bordeis e prostíbulos, resolve na manhã de seu aniversário que deveria provar para si e para mundo que estava vivo – e muito vivo, apesar da idade: " [...] No ano que completei noventa anos, quis presentear-me com uma noite de amor louco com uma adolescente virgem." É a partir desse momento e dessa decisão que ele vivencia, pela primeira vez, uma história de amor. Trata-se de um romance repleto de ação – e que rendeu a Gabriel Garcia mais um Prêmio Nobel de Literatura no currículo.
SHARE
    Blogger Comentarios
    Facebook Comentarios

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
Tecnologia do Blogger.